icone Notícias

Como empreender em ano de crise

3 de junho de 2015

acom-como-empreender-em-ano-de-crise

O cenário brasileiro está claro. Em 2015 vivemos um ano de crise e o pior, sem previsão para a melhora da nossa economia. Os números estão cada vez mais pessimistas. No mês de maio, por exemplo, o Ibovespa encerrou em queda de 6,16%, segundo pior mês do ano, ficando atrás apenas de janeiro.

Com isso, o empreendedor fica ainda mais cauteloso com o que deve ou não empreender e como deve seguir para que o seu negócio não se perca nessa crise nacional. Para ajudar nesse assunto, vamos trazer no nosso texto de hoje algumas dicas para você encarar 2015 sem grandes prejuízos.

O mercado como um todo está instável. Já falamos aqui no blog de algumas dicas para você se motivar nesse momento de crise. Neste ano, é natural ficar na defensiva e achar que a melhor opção é não empreender, ou não investir em melhorias para o seu negócio. Porém, esse nem sempre é o melhor caminho.

Cuidados em dobro

Normalmente, quando vamos fazer um investimento na nossa empresa estabelecemos prós e contras para decidir se ele realmente vale a pena. Em ano de crise, não precisamos necessariamente deixar de investir, porém, é preciso ter muito mais cautela, fazendo um trabalho de pesquisa de mercado redobrado, por exemplo, ou seja, prestar mais atenção em todas questões envolvidas.

O ideal é fazer um planejamento detalhado, que te passe mais segurança e ainda reduza as chances de erro e prejuízo.

Não se acomode

Pode não parecer, mas muitos empresários estão usando a crise atual do Brasil para se acomodar e não melhorar os seus serviços. É claro que isso é um grande erro, que vai prejudicar você e todo o seu negócio. Veja mais no vídeo abaixo:

Destaque e exclusividade

Neste ano, o consumidor também está mais cauteloso e exigente na hora de adquirir alguns serviços. Por isso, você precisa fazer com que a sua empresa se destaque das demais, oferecendo produtos e serviços exclusivos, se diferenciando positivamente dos seus concorrentes.

No mercado de food-service por exemplo. Sempre que possível, procure implementar ações e promoções especiais, não somente em datas comemorativas. Aqui vale usar sua criatividade e seu instinto empreendedor.

Pensar melhorias para o seu negócio deve ser feito constantemente, mesmo passando por uma crise, não deixe de lado o seu lado empreendedor.

Voltar

Deixe uma resposta